Um dia em Belém – Lisboa

Belém é um bairro bem tradicional para turistar em Lisboa por conta dos monumentos Torre de Belém e o Padrão dos Descobrimentos, além do Mosteiro dos Jerônimos. Mas o mais legal – e gostoso – de lá é o famoso Pastel de Belém! Eu e minha irmã passamos um dia passeando por Belém e ficamos mortas de tanto andar.

O visual é lindo, pois Belém fica na beira do rio Tejo. Pegamos um elétrico (bonde) pra ir até lá e foi super fácil. Os monumentos são super pertinho um do outro e dá pra fazer tudo a pé.

Padrão dos Descobrimentos

O monumento homenageia os descobrimentos portugueses da expansão marítima de 1500, e conta com estátuas de Pedro Álvares Cabral, Luís de Camões e Vasco da Gama, entre outros. O Padrão foi inaugurado em 1940 e conta com um mirante lá em cima. Subimos e a vista é linda (e custa 5 euros).

Torre de Belém

A Torre de Belém era inicialmente um forte para defesa do Rio Tejo e já tem mais de 500 anos. É possível entrar e eu amei o passeio, a torre é incrível!

O bilhete individual custa 6€, mas você pode comprar o combinado para visitar a Torre de Belém e o Mosteiro dos Jerônimos por 12€ (no site tem outras opções de lugares e preços).

Mosteiro dos Jerônimos

A construção do Mosteiro dos Jerônimos começou em 1501 e terminou no século seguinte dada a grandiosidade do projeto – só a fachada tem 300 metros! É um dos lugares mais lindos que já fui, vale muito a pena visitar.

Museu Coleção Berardo

Também é possível visitar o Museu Berardo, de arte moderna e contemporânea. Lá tem obras de grandes nomes da arte como Andy Warhol, Salvador Dalí, Francis Bacon, Picasso, entre outros. Quando fui a exposição temporária era de cartazes de propaganda da Segunda Guerra Mundial. Incrível! Dica: a lojinha do museu é mara!

Entrada: 5€; gratuita aos sábados.

Pastel de Belém

Para finalizar o passeio, a passagem pela confeitaria Pastel de Belém é obrigatória (tanto que fomos lá duas vezes durante a viagem)! Ele é nada mais que o pastel de nata português, mas com alguns ingredientes secretos que tornam o sabor único. Recomendo!

Tirar um dia pra visitar Belém é fazer aquele passeio bem turistão mesmo, e vale muito a pena! 

Quinta da Regaleira em Sintra: um lugar mágico

Sintra é uma cidade muito próxima a Lisboa e conta com muitas atrações pra conhecer. A Quinta da Regaleira é uma propriedade lindíssima composta por um palácio, jardins, capela e muitas curiosidades.

No final do século XIX o terreno da Quinta foi comprado por Carvalho Monteiro, que quis resgatar o passado de Portugal realizando as construções no estilo neomanuelino. Há muitos outros elementos misteriosos e mágicos na propriedade. Os jardins possuem estátuas de deuses greco-romanos, uma gruta, um poço, fontes, torres, etc. É um lugar mágico, só indo lá pra entender.

Capela da Quinta da Regaleira

Optamos pela visita livre e fomos explorando a Quinta com o mapa que eles dão, achei ótimo! São muitos metros quadrados pro visitante explorar, e no final do passeio eu e minha irmã já estávamos mortas. Então prepare-se!

Poço Iniciático

O Poço Iniciático tem 27 metros de profundidade e é possível descer até o fim. A gente também pode acessá-lo pelo subterrâneo! Confesso que fiquei com medo e não quis andar muito lá por baixo não. haha

Tarifas e Horários

A Quinta da Regaleira pode ser visitada de duas formas: a visita livre ou guiada. Os preços das visitas livres variam de 4 a 6€ e as visitas guiadas de 8 a 12€.

De abril a setembro a Quinta da Regaleira abre de 9:30 às 20h (última entrada às 19h) e de outubro a março das 9:30 às 18h (última entrada às 17h).

Palácio da Regaleira, a principal construção da propriedade.

Você pode conferir mais informações no site da Quinta da Regaleira.

Visitar a Quinta da Regaleira é incrível e um passeio que você tem que fazer se estiver em Lisboa!

 

Óbidos

Óbidos é uma cidade portuguesa muito charmosa com um castelo e uma vila murada. É possível conhecê-la em apenas um dia, já que é bem pequena.

Porta da Senhora da Graça, na entrada da vila de Óbidos.

As ruas são lindas e as casas também, é cada cantinho que a gente acha!

É possível andar sobre as muralhas, confesso que fiquei com medinho! haha

Vista da vila de Óbidos de cima da muralha.

O castelo de Óbidos hoje é uma pousada, então não é permitida a visitação.

Acesso

O acesso à vila é gratuito, mas não circulam carros lá dentro, então o visitante tem que estacionar do lado de fora dos muros. Óbidos fica a cerca de 1h ao norte de Lisboa e 2h ao sul do Porto, então é fácil visitá-la se você estiver em uma dessas duas cidades.

Alguns eventos acontecem anualmente em Óbidos como o Festival de Chocolate (entre Março e Abril), o Mercado Medieval (entre Julho e Agosto) e a Vila de Natal (30 de Novembro a 1 de Janeiro). Infelizmente quando fui já tinha acabado a Vila de Natal, mas pelo que eu vi parecia bem legal – as crianças devem adorar.

Dica

Ir a Óbidos e não beber a ginjinha é como se você não tivesse ido! A ginjinha é um licor de uma fruta bem parecida com a cereja, que se bebe em copinhos de chocolate. Uma delícia!

Castelo de São Jorge

O Castelo de São Jorge é uma atração muito procurada em Lisboa. Sua construção data do século XI e ele foi feito pelos muçulmanos que habitavam a região na época. O castelo é bem grande, dá pra explorar bastante sua área!

Como o Castelo de São Jorge fica no alto de um monte, possui uma vista privilegiada da cidade e do Rio Tejo – muito linda!

vista do castelo de lisboa

vista do castelo de lisboa

O Castelo conta com um museu, um sítio arqueológico, um café (Café do Castelo) e um restaurante (Casa do Leão), além de banheiros para a comodidade do turista.

castelo de lisboa

Como chegar

Quando fui peguei o ônibus de sightseeing, você salta em qualquer ponto da cidade e depois pode reembarcar (estilo hop-on hop-off). Dá pra chegar de metrô ou de elétrico também, a estação do metrô mais próxima é a Rossio. De qualquer forma tem que subir uma ladeira pra acessar o castelo.

Horários e tarifas

O bilhete normal custa 8,50€, mas existem outras opções para estudantes e família. Os horários variam de acordo com a época do ano: de Novembro a Fevereiro, de 09:00 às 18:00 (fecha nos dias 24, 25 e 31 de Dezembro, e 1 de Janeiro); e de Março a Outubro, de 09:00 às 21:00 (fecha no 1º de Maio).

Para mais informações, o Castelo possui um site bem completo.

Visitar o Castelo de São Jorge em Lisboa é uma coisa que você tem que fazer quando estiver na cidade, é incrível, história pura!