Mostra Moda no Shopping Tijuca

Frequentei bastante o Shopping Tijuca quando meu namorado morava no bairro, e gosto bastante de lá! Essa semana eles lançaram a Mostra Moda, uma loja coletiva com conceito de pop-up store (loja temporária), com várias marcas independentes de produções locais que valorizam o trabalho artesanal e o consumo consciente.

Sobre a loja

Entre as confirmadas para o lançamento do Mostra Moda estão a Mig Jeans, o Studio Adriana Valente, a marca de sapatos Par e a Kühn. A Mig Jeans é uma marca de upcycle e economia circular, que reaproveita resíduos têxteis e transforma-os em roupas novas. Não conhecia e já amei! O Studio Adriana Valente produz acessórios em madeira MARAVILHOSOS e super originais. A Par produz têniszinhos lindos em algodão super levinhos (tudo inho porque amei também). E a recém lançada Kühn produz bolsas minimalistas super exclusivas.

A ideia é que ao longo do projeto várias marcas passem pela Mostra, que fica de abril a novembro. Achei muito interessante essa proposta, ainda mais por causa do movimento que estamos vivendo de valorização da moda lenta e do consumo consciente. É super importante que shoppings também entrem nessa onda!

Onde fica?

Shopping Tijuca: Av. Maracanã, 987 – Tijuca/RJ. Piso L2.

Conheça a marca: Kilha!

A Kilha é uma marca de biquínis e moda praia criada por duas amigas do Rio, e que tem aquela vibe carioca de praia e sol. Os modelos são lindos e seguem as principais tendências da moda praia, mas sem perder o conforto. Tem cortininha, maiô, hot pants e muitos outros modelos pra todos os gostos! Olhem só:

O que são esses cortininhas de babadinho? Amei!

A Kilha começou vendendo as peças pelo Instagram (@kilharj), e agora abriu sua primeira loja: um ateliê na Gávea.

Tô apaixonada! Pra ir lá a gente tem que agendar a visita pelo whatsapp (21) 99551.8733. Pra quem quiser ver mais fotos das peças, vai lá no insta da Kilha (o feed é lindo demais)! Tem também a página do facebook.

A Kilha tem tudo pra dar certo, desejo muito sucesso!

Festival Green Nation chega ao Rio!

A preservação do meio ambiente e a alimentação saudável estão cada vez mais no centro de discussões e eventos sobre o assunto andam pipocando por aí. Acho super importantes essas iniciativas pra conscientizar cada vez mais a população mundial dos problemas que estamos enfrentando no meio ambiente. Essa semana o Museu do Amanhã e o Píer 1, na Praça Mauá, no Rio de Janeiro, serão palco do Green Nation, festival que permite a todos pensar, viver e sentir a sustentabilidade.

Dos dias 24 a 27 de novembro (quinta a domingo), de 9h às 18h, o público terá acesso gratuito a uma programação ampla, com palestras, cinema, oficinas e muitas outras atividades!

O festival audiovisual estará dividido em duas mostras – livre e competitiva – e acontecerá no Museu do Amanhã, todos os dias de 13h às 18h. A temática dos filmes será a mesma: a sustentabilidade e o meio ambiente.

A alimentação saudável é também um dos eixos do festival, que promoverá 38 sessões de culinária sustentável para crianças e adultos. Para participar das aulas, que são gratuitas, é preciso se inscrever antes no site do Green Nation.

Olhem que legal o mapa do evento! Dá pra ter uma noção do tamanho né!

mapagreennation21nov

The Art of the Brick: Exposição de esculturas de LEGO!

O artista Nathan Sawaya exibe suas esculturas feitas com peças de Lego na Oca, no Parque Ibirapuera. Fui conferir a exposição The Art of the Brick no fim de semana passado e fiquei encantada! As esculturas são impressionantes, e ainda tem algumas telas em duas dimensões, mas também feitas de Lego.

Nathan Sawaya era advogado, mas se cansou da vida burocrática e resolveu fazer o que mais gostava: montar peças de Lego. Ele foi o primeiro artista a fazer isso, e é super renomado no mundo da arte contemporânea.

the-art-of-the-brick-9

the-art-of-the-brick-5

the-art-of-the-brick-7
Além de esculturas autorais, ele fez réplicas de obras clássicas como a Vênus de Milo, Monalisa, David de Michelângelo, etc. E tudo em Lego! Muito incrível!

the-art-of-the-brick-12

O ingresso da exposição custa R$20, com meia entrada a R$10. A exposição vai até dia 30 de outubro em São Paulo, e depois segue para o Rio, no Museu Histórico Nacional, entre 16 de novembro e 15 de janeiro. Pra quem está em SP ainda dá tempo de ir, e quem está no Rio vai ter bastante tempo!