Diário de viagem da Serra Gaúcha: os cânions de Cambará do Sul

Cambará do Sul é uma pequena cidade na divisa do Rio Grande do Sul com Santa Catarina. As atrações famosas por lá são os cânions, e fomos conhecer dois deles no nosso passeio. Confesso que antes da novela das 6 da Globo Além do Tempo, que se passava no Sul, não sabia que haviam cânions no Brasil, e fiquei abismada com o que vi. É muita beleza em um lugar só!

Cânion Fortaleza

O Cânion Fortaleza fica no Parque Nacional da Serra Geral, e a entrada no parque é gratuita. Existem algumas trilhas, mas só fomos mesmo na beirada do cânion. A estrada é bem tranquila até chegar em uma parte de chão, que deixa a viagem um pouco lenta. Em determinado momento tem uma guarita, onde um funcionário do parque dá as informações básicas sobre ele. E a partir daí são mais 4km de estrada de chão até chegar ao estacionamento próximo ao cânion. Depois que paramos o carro são 200m até a beirada dele, e pasmem com a beleza:




15-07-16 (70)

Incrível né? Fiquei muito impressionada com esse lugar! 15-07-16 (74)

Lá venta muito, então me agasalhei bem! 15-07-16 (76)

15-07-16 (81)

15-07-16 (85)

15-07-16 (104)

Cânion Itaimbezinho

O Itaimbezinho fica no Parque Nacional de Aparados da Serra, também em Cambará. Depois de 18km de estrada de chão a gente chega em uma guarita e tem que pagar o ingresso (por adulto e por veículo). Dali é só alegria com o asfalto haha . Depois de estacionar caminhamos até um centro de visitantes com as informações sobre o parque. Dali a gente pega a trilha do Cotovelo por 3km – tranquilíssima, é mais um caminho que uma trilha – até a borda do cânion. O parque também tem outras trilhas além dessa do Cotovelo. O Itaimbezinho também é lindo, mas fiquei mais impressionada com o Fortaleza.

O horário de visitação do Parque Nacional de Aparados da Serra (Cânion Itaimbezinho) é das 8h às 17h (permanência até 18h), de 3ª a domingo (abrindo nas 2ªs de feriados nacionais, Carnaval, Natal e Ano Novo). Para a Trilha do Cotovelo é necessário adentrá-la antes das 15h e a Trilha do Rio do Boi, antes das 13h.

15-07-16 (128)

15-07-16 (131)

15-07-16 (132)

15-07-16 (145)

15-07-16 (148)

15-07-16 (168)

15-07-16 (4)

Me contem o que acharam! Esses foram os lugares mais lindos que já vi na vida até agora. É tudo tão grandioso, tão imenso que a gente se sente pequeno diante do mundo. Sem palavras.

Beijo, Helena.


Comments

5 respostas para “Diário de viagem da Serra Gaúcha: os cânions de Cambará do Sul”

  1. Oi Gabriela, obrigada!
    Saímos de manhã não muito cedo de Gramado pra ir pro Fortaleza, chegamos lá era de manhã ainda (umas 11h). No Fortaleza só paramos o carro e fomos até a beirada, porque a trilha era mais longa. De lá fomos direto pro Itaimbezinho, aí já era mais de 12h. De qualquer forma, indo de manhã dá pra fazer os dois sim. O problema maior pra mim foi o almoço, já que no final do passeio já eram 3h da tarde e não tinha um lugar aberto pra almoçar, então comemos pastel na estrada! haha Por isso sugiro levar alguma coisa pra comer durante o trajeto. Bjo!

  2. Avatar de Gabriela Cristina Ferreira
    Gabriela Cristina Ferreira

    Oi Helena, show de bola a sua publicação. Me tira uma dúvida, lembra mais ou menos como ficou teu tempo lá? Chegastes no Fortaleza mais ou menos que horário, e que horário fostes para o Itaimbezinho? Li muitos posts dizendo que fica apertado fazer o Fortaleza e depois Itaimbezinho, mas pelo teu post achei bem tranquilo. Abraço.

  3. Avatar de Felipe Frezzarin
    Felipe Frezzarin

    Oi, Helena, tudo bem também!!
    Perfeito, vou fazer isso. Muito obrigado pelas dicas.
    Bjss.

  4. Oi Felipe, tudo bem e você?
    É sim, bem tranquilo visitar os dois cânions! O Fortaleza tem até trilha, mas não fizemos. Só deixamos o carro perto da beirada e andamos até lá. Lindo lindo!
    Recomendo levar um lanchinho pra comer no caminho, não vimos muitos lugares pra comer por lá. 🙂
    Bjs!

  5. Avatar de Felipe Frezzarin
    Felipe Frezzarin

    Oi, Helena, tudo bem? Adorei as suas dicas e fotos.Vou pra Gramado no final de maio e irei tirar um dia para ir até Cambará visitar os cânions. Minha dúvida era, se dava para visitar os dois cânions mais importantes, Itaimbezinho e Fortaleza, no mesmo dia, mas pelo que vi é tranquilo, né!?
    Um abraço,
    Felipe